ADUFU - Seção Sindical do ANDES
Site Destaque

Comissão da Verdade do ANDES-SN avança na construção dos Encontros

14/05/2014


 
Em Reunião Ampliada realizada no último dia 8, quinta-feira, a Comissão da Verdade do ANDES-SN discutiu, em conjunto com outras entidades e Seções Sindicais do Sindicato Nacional, formas de dar continuidade ao trabalho já em curso desde 2013, como a definição de ações para promover um grande encontro nacional, a partir dos debates e formulação que serão produzidas em encontros preparatórios. Novas iniciativas para conseguir informações sobre o período da ditadura empresarial-militar, feitas por entidades no Rio de Janeiro, também foram apresentadas na reunião.
 
“Estas reuniões dão continuidade às ações da Comissão da Verdade do ANDES-SN que estão em andamento, avançam na construção dos encontros preparatórios e nacional previstos para o segundo semestre e na integração com outras entidades”, afirma o membro da Comissão da Verdade do ANDES-SN e secretário-geral do Sindicato Nacional, Márcio de Oliveira. 
 
Segundo o diretor do ANDES-SN, a reunião aprovou a realização de três encontros preparatórios antecedendo ao Encontro Nacional da Comissão da Verdade do ANDES-SN, previsto para novembro. “A ideia é que o Encontro Nacional se realize antes do relatório final da Comissão da Verdade Nacional”, explica. Inicialmente, os preparatórios serão realizados no final de agosto, no Rio de Janeiro; em setembro, em São Paulo; e na segunda quinzena de outubro, na região nordeste. “Definimos Rio e São Paulo como sedes dos encontros por serem locais em que há mais movimentação e ações relacionadas ao tema”, explica. Oliveira afirma que as entidades que participaram desta e de outras reuniões já demonstraram interesse em participar da construção dos encontros, que serão abertos à participação de pessoas de todo país.
 
Além dos membros da Comissão da Verdade do Sindicato Nacional e de representantes de Seções Sindicais, a reunião contou com a participação de representantes de entidades como o Conselho Federal de Serviço Social, membros da Comissão da Verdade do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região (Sindimetal), que na ocasião representaram a CSP-Conlutas. 
 
“Durante a reunião, fomos atualizados sobre as ações desenvolvidas pelas entidades. O Sindimetal de São José dos Campos tem feito um trabalho sobre a ação das ditaduras nas empresas, entre governos e empresários para cercar operários e identificar os líderes das mobilizações e greves. O Conselho Federal de Serviço Social tem um trabalho chamado Memória de Resistência. Em abril, várias atividades no Rio de Janeiro fizeram homenagens aos perseguidos neste período e atos contra a ditadura”, exemplifica Oliveira.
 
Entre as ações encaminhadas após o dia 8, durante reunião entre a Comissão da Verdade do ANDES-SN e o Grupo de Trabalho História do Movimento Docente (GTHMD) no dia 9, sexta-feira, está a atualização do levantamento feito junto às Seções Sindicais sobre o período da ditadura militar relacionados às universidades e também à região e cidades onde estão localizadas. “Precisamos saber que tipo de ações tem sido feitas, atividades, debates, relatos, e sobre os cronogramas de trabalho. Encaminharemos uma circular nos próximos dias com esta solicitação, e reforçamos a importância do empenho de todas as Seções neste levantamento, inclusive das que já preencheram o questionário anteriormente”. 
 
Oliveira conta ainda que uma correspondência será enviada para a Comissão Nacional e para as Comissões Estaduais da Verdade, com o objetivo de propor cooperação para troca de informações e documentos. “Mostraremos a nossa disposição para participar de atividades comuns, falar sobre os encontros preparatórios e nacional e sobre as ações feitas por nossa Comissão”. 
 
A reunião definiu ainda algumas propostas para dar mais visibilidade às ações da Comissão da Verdade do ANDES-SN e possibilitar a participação das entidades e demais públicos nos veículos de comunicação, como a criação de uma página no facebook, a atualização do banner da Comissão da Verdade do Sindicato Nacional no site da entidade, com novos informes, e a definição de um espaço no qual as entidades possam compartilhar materiais e informações.